Ontem fomos ver o novo filme do Bruno Barreto chamado View from the Top. É uma comediazinha bem divertida para uma sessão de matineé de sexta-feira à tarde. No elenco Gwyneth Paltrow, Christina Applegate, Candice Bergen, Rob Lowe, Mike Myers, Kelly Preston [a senhora John travolta] e Mark Ruffalo.
Eu li sobre esse filme na revista Premiere já faz uns dois anos, quando o Barreto ainda estava em filmagens. Gwyneth Paltrow é uma moça simples, que vive num trailer em Silver Springs, Nevada. Ela quer sair de lá a qualquer custo, e eu também iria, pois conheço a tal cidade e é realmente de lascar! Ela sonha voar…. e vai ser comissária de bordo de uma empresa aérea mixuruca, que leva jogadores dos cassinos de Nevada, de volta para Fresno na Califórnia. A cena do primeiro vôo dela é hilária. E o visual das comissárias [Paltrow, Applegate e Preston] é de matar. Inspirada pelo livro de uma comissária famosa [Candice Berger], Paltrow quer ingressar numa outra empresa aérea chamada Royalty Airlines. O seu objetivo é a primeira classe internacional.
O filme é uma comédia romântica, que Paltrow sabe fazer muito bem. O galã Mark Ruffalo está meio apagado e sem graça – assim como Mike Myers, completamente desinteressante, como um treinador vesgo da Royalty Airlines. Deu pra dar umas risadas e passar umas horas distraída dentro do cinema. Notei muitos nomes brasileiros nos créditos. Bruno Barreto fez um filme sem nenhuma conexão com o Brasil ou com o português, mas deve ter dado emprego pra muito profissional do cinema brasileiro.