Ontem eu vi um filme falado em inglês com legendas. E achei que as legendas eram absolutamente necessárias.
My Name is Joe, do diretor Ken Loach, deu o prêmio de melhor ator em Cannes em 1998 para o ator principal, o escocês Peter Mullan. O filme conta a história de Joe, um alcóolatra que vive numa região pobre e problemática de Glasgow, na Escócia. Ele está tentando se reajustar, levar uma vida normal e ajudar alguns amigos que também estão com a vida complicada por causa das drogas. Ele é o treinador de um time capenga de futebol [e numa cena eles roubam uniformes verde-amarelos e vão jogar gritando Brasil – um é Pelé, outro Rivelino…. um pouquinho desatualizados!!]. Joe se apaixona por Sarah [Louise Goodall], uma assistente social solteira e workaholic.
O sotaque do filme é duro na queda! Se você pensa que entende qualquer inglês e se saiu bem com Snatch e Sexy Beast [ingleses], The Crying Game [irlandês] e Muriel Wedding [australiano], espere só até ouvir os diálogos em My Name is Joe! Nem precisa acionar o close caption, porque a legenda, graçasadeus, já vem embutida – ufa…….!!

One thought on “My Name is Joe

  1. Esse filme é legal, talvez o meu preferido do Loach.
    Acho que eu nunca conversei com um escocês, apenas com irlandeses… Não é fácil, não, especialmente quando se foi criado ouvindo o inglês ianque…

Comments are closed.