Nada mais apropriado para o clima do Halloween do que os filmes bizarros do ator Lon Chaney. Ele era conhecido como o homem das mil caras e fez filmes interessantíssimos. Deve ter sido um pioneiro em make up para cinema, se auto-transformando e deformando.
O primeiro filme que vi com ele foi Laugh, Clown, Laugh de 1928, onde ele faz um palhaço apaixonado por uma bailarina, apaixonada por outro.
Depois vi o terrível The Unknown de 1927, onde Chaney faz um cigano sem braços que trabalha como atirador de facas num circo. Ele é apaixonado pela sua assistente Nanon [ vivida por uma jovenzinha chamada Joan Crawford], que tem trauma de ser tocada por outros homens. O cigano sem braços é manipulador e faz a cabeça da moça contra todos os outros homens que possuem braços e mãos. O que só o seu ajudante anão sabe – e nós, vendo o filme, é claro – é que o cigano sem braços na verdade TEM braços. Mas ele já está tão acostumado a ter os braços amarrados e fazer tudo com os pés [e que contorcionismo!], que mesmo com os braços soltos ele esquece e continua usando os pés. Ele mata o pai da mocinha, que vê o crime da janela do seu trailer e as mãos do assassino. Além dos braços, o cigano tem também um defeito em uma das mãos, que mostra dois polegares. Depois do crime, com medo de perder o amor da bela Nanon, o cigano tem a idéia de amputar os braços e tornar-se realmente um homem sem braços. No meio tempo em que ele fica no hospital, se recuperando da amputação, a mocinha se apaixona pelo levantador de pesos do circo. Daí em diante eu não consegui mais ver o filme….. Me deu um desespero. Um verdadeiro filme de TERROR!
O terceiro filme que vi com Lon Chaney foi outra bizarrice chamada The Ace of Hearts, onde ele faz parte de uma seita anarquista cujo propósito é eliminar elementos mau caraters da sociedade. Eles se reunem em segredo e têm no grupo uma especie de sacerdotiza chamada Lilith. Um filme dark, como todos os outros que vi. Todos filmes mudos, em preto e branco.
Lon Chaney fez também The Phantom of the Opera e The Hunchback of Notre Dame, entre outras centenas de filmes entre os anos 10 e 30.
Uma coleção de seus filmes foi lançada em DVD. Uma boa oportunidade para conhecermos esse mestre do horror.

19706_0001.jpg

2 thoughts on “Lon Chaney

  1. Oi, Fer. Tudo bem? Adorei este seu texto sobre Lon Chaney. Sugestão: fale sobre Ed Wood. Beijos da Auri. Passe lá no cinemania, viu?

  2. otimo saber da colecao! eu vi apenas o fantasma e o corcunda com ele, mas me considero uma admiradora. vou atras desses dvds!

Comments are closed.