Numa festa no pátio da casa de um amigo, sentávamos num grupo. Anoiteceu e o anfitrião ligou uma luz, tipo holofote. Quando ele virou a luz pro nosso lado, tentando ajustar a altura, eu falei num tom de voz teatral – I’m ready for my close-up, Mr. DeMille! Ninguém riu. Uma americana me perguntou what the heck you’re talking about? Sunset Boulevard, darling! Norma Desmond! As caras todas boiavam total, cem por cento. Tentei explicar a trama do filme, mas ninguém se interessou…
Comprando uns livros na minha livraria predileta, onde sempre converso com a dona sobre livros de arte ou para tentar convencê-la a trazer mais livros de culinária brasileira, vi uns dvds na prateleira e o aviso – we now have dvds. Fui lá ver, porque eles têm precinhos inacreditáveis. Me chamou a atenção, é claro, um dvd double feature do Gary Cooper – A Farewell to Arms e Meet Joe Doe. Comprei pra mim, junto com a pilha de outras coisas pra dar de presente para outras pessoas. Na hora de pagar disse pra dona da loja que sempre puxa um papinho trivial comigo – I just LOVE Gary Cooper…. Ela riu uma risada totalmente surpresa e incrédula.
Cada vez mais eu me convenço de que sempre fui e continuo sendo uma freak!

5 thoughts on “cine-louca

  1. Ai Fer, eu achei hilario, meu marido tambem acharia! E isso na California? Achei que o povo aih era bem mais culto e envolvido nas artes em geral… Mas mandou ver!

  2. Fer, meu amor, esse povo é BURRO, INCULTO e DESINFORMADO, isso sim! Eu acho essas coisas ABSURDAS!! Como assim, não saber o que é “I’m ready for my closeup, Mr. DeMille!” ????? É por essas e outras que eu tb me enquadro na categoria dos freaks… totally.
    Beijocas de “one of us, one of us, one of us!”

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *